Depoimentos

Quando me pedem para comentar sobre qualquer assunto logo me prontifico, mas tudo fica mais fácil quando a gente comenta sobre aquilo que gosta, ou, no meu caso, ama. Frase clichê, mas verdadeira. Conheci o Certo através de amigos da escola. Junto com o terceiro ano, que cursava pela manhã, cursei o Semiextensivo, isso em 2014. A rotina era intensa, tanto de estudos quando de jornada: escola pela manhã, cursinho pela tarde, revisão de noite. Foi um ano bem puxado, mas com certeza foi o ano em que mudei de fase, em que amadureci. Digo com toda a certeza que, daqueles longos dias a parte que mais gostava era a de ir para as aulas na Zona Norte, mesmo depois de uma manha cansativa, as aulas da turma da tarde no Certo eram as mais divertidas (pra galera que pensa em chegar agora, a 103/14 do Certo foi a melhor turma, desculpa!), as mais encantadoras e inspiradoras. Se não fosse com o empurrão dos mestres e mestras do Certo, certamente não teria escolhido a docência, e digo mais, se tem uma coisa na qual o certo é craque é no time de profissionais que ele tem. Digo e repito, não só pelo apoio que eles de dão ao longo do ano, ou quando choram e riem contigo. Os caras são mestres, sempre dispostos a dar aquela revisada, a conversar pra distrair a tensão, ou fazendo grupos de estudo na própria casa. E são bruxos também! Espera chegar os Aulões que tu vai saber do que to falando. Tu vai fazer a prova escutando a voz dos caras te dando as respostas, apenas com as dicas dadas nos Aulões. Um cursinho pré-vestibular não é feito sem alunos com um sonho, mas um cursinho pré-vestibular de excelência não é feito sem mestres valorizados e inspirados. Inspiração e carinho pelos alunos são o que não faltam nessa equipe. Tanto que, depois de ver o resultado de um ano de luta e dedicação impressas no listão, por acreditar tanto no que vivi dentro da sala de aula do Certo que resolvi virar funcionária. Tinha que divulgar para quem eu gostava o que eles tinham lá, e tudo por um preço pensado exatamente para quem precisa estar dentro da UFRGS. Conheci essa turma toda por trás dos bastidores. Aprendi como é grande o suor dado pelos professores e professoras para ter um material sempre atualizado e oferecê-lo pra galera que tá chegando. Ou em bolar aulas diferenciadas e acima de tudo, divertidas pensando sempre em atender as dificuldades de alunos que, assim como eu, não tiveram todas as necessidades acadêmicas supridas no ensino médio. E a direção, que ata tudo isso com eventos muito especiais, de uma maneira muito linda que torna o Certo uma grande família, onde se vivem não só momentos de foco e dedicação. Lá conheci amigos para a vida toda, um grande amor e realizei o maior sonho da minha vida, ver meu nome no listão da Federal. E quando encerrei meu ciclo lá depois de 2 anos, a maior alegria que tenho hoje é ver a galera que cruzou comigo nos RU’s da UFRGS. Então, mais do que um texto relatando o que foram esses dois anos, este é um texto de agradecimento aos mestres do Certo que vivem para nos ajudar a realizar sonhos, sendo ele UFRGS ou não. O Certo Vestibulares não é só a certeza da sua aprovação, é a certeza da sua felicidade! Vem pra família Certo, aqui é certo que dá.

Diuliane Andrade - Licenciatura em Biologia (UFRGS)

Mil estrelas! Podem acreditar e confiar nessa equipe. Com eles, tudo sempre dará CERTO! 

Marina Barboza

Já passaram quase três anos desde que ingressei na universidade federal. Pra eu, mulher, negra, vinda da escola pública entrar na UFRGS não foi um caminho fácil ou tranquilo, ao contrário, envolveu muito trabalho e dedicação. Minha sorte é que no meu caminho tive a oportunidade de conhecer um time especialista em formar campeões, a galera do Certo Vestibulares. No Certo encontrei pessoas que não apenas me ensinaram o necessário para o vestibular, mas pessoas que sonharam junto comigo.

Tatielly Pinto

Grande equipe, com excelentes profissionais! Precisei de 6 meses pra ingressar na UFRGS.

Podem confiar e confiem principalmente em vocês mesmo! E outra, o Marcelinho é melhor professor de Literatura do país, sabe tudo!

Andrei Nowtzki